"Meu amor te escreve"

Loren viajou para a casa dos pais, desde antes do Natal, o que reduziu o nosso contato em 75%. Isso significou upload de saudades em banda larga. Nesse ínterim, esmoreci, apesar das inspirações para posts terem surgido enquanto folheei algumas Vogues, em busca de pautas para o meu trabalho; mas não consegui atualizar o Em Cores, embora visitando os blogs de vocês, conforme as suas atualizações e desejando feliz 2011 a tod@s!

Aproveitei o meu retiro do blog para dar uma de especialista em Feng Shui, hahaha. Livrei-me de roupas velhas, sobrou um guarda-roupa vazio; livrei-me também de papelada que sei que não me servirá mais, joguei fora peças paradas, larguei até um antigo blog pessoal e finalmente mudei a cor do meu quarto. Mas o meu retorno ao blog não foi para contar nada disso, fiquem tranquil@s ou intranquil@s mesmo, rs.

Estava relendo o post que meu amor escreveu sobre a nossa história e me deu uma vontade louca de me declarar a ela. Eu faço isso todo dia, toda hora, todo o segundo que ela me atura. Mas, às vezes, uma frase falada não sai tão completa devido a emoção do momento. E, em se tratando da dona Lorena, como se não bastasse a frase não sair tão perfeita em seu significado, meu baby ainda é capaz de esquecer todas as rimas bregas poéticas que eu faço pra ela. Anram, a minha lindeza é acometida pelo mal da amnésia. [/vou apanhar] Mesmo assim, sem justificativas, vamos combinar que gritar ao mundo (num blog) o quanto amamos alguém é libertador. E eu amo essa mulher linda. Vocês não imaginam o quanto ela é linda. Linda de nobreza e linda de boniteza xD.

Desde que Deus a colocou no meu mundo, eu não sou apenas eu. Eu sou ela comigo, por e para ela. Antes, eu vagava, vagava, sonhava e não sabia exatamente para que. Sabe quando você tem algo na sua mente, mas esse algo não tem referências existenciais, físicas e, se você fecha os olhos, parece apenas um feixe de luz no universo?! Espero que essa experiência cósmica não seja apenas minha, rsrs. No meu sonho de mestrar, doutorar, intercambiar, mochilar, ficar trêbada com os amigos, cantar muito, muito alto, concursar e casar (de ter casa e não de matrimoniar) para, enfim, procriar, o tal feixe de luz parecia um L esperando um outro L invertido para fechar um quadrado. E, sem brincadeira, isso não era o esforço de um anagrama.

Talvez Freud explique, rs, mas o resultado é que o L invertido apareceu como um pacote completo e inesperado de sonhos. E, hoje, o meu único querer é dar a ela apenas felicidade, como se somente essa fosse a opção para viver.

E já direcionando o post a quem de direito, eu digo: Lorena, o texto continua não saindo perfeito, nem completo, assim como o ‘eu amo você’ também, às vezes, parece perdido na enormidade do meu sentimento. Mas eu amo e amo muito VOCÊ!

Anúncios

4 pensamentos sobre “"Meu amor te escreve"

  1. E eu amo muito VOCÊ, meu amor! Se quando vc se dispõe a me passar cantadas de pedreiros (me matando de rir das suas invencionices bregas :P) eu já sinto essa coisinha pulsante dentro de mim (a que chamam de amor, e ao qual não sei mais chamar, pq “amor” já parece tão pouco), imagina o que eu senti agora, ao ler sua declaração?? Uma felicidade e uma comoção sem-fim!

    Se eu sou o “L” que te completa é porque eu também estava vazia de sentido quando encontrei vc; eu também era uma metade. E como já falamos sobre isso, não vou me esmiuçar. Você sabe que eu andei perdida por mto tempo até vc aparecer e as coisas votlarem a ter foco. E o sentido da vida, algo tão abstrato q eu nunca nem tentei compreender, me pareceu claro então.

    Não sei se as pessoas compreendem o que sentimos, pq realmente não sei quantos somos os embriagados de amor no mundo. Sei que soamos loucas e intensas além da conta para muita gente, mas não importa. Nós sabemos exatamente o que nos vai aqui dentro e o quão redentor foi para nós duas esse encontro de almas. Nos encontramos, nos amamos e seremos uma, para sempre!

    PS: eu não sou tããããão desmemoriada assim não, viu??? Humpf! 😛

  2. ai, ai… o amor! 🙂
    e nem me atrevo a comentar mais nada, porque eu ando muito cafona nesses últimos dias e pode ser que eu até transcreva trechos de música do Roupa Nova aqui, então é melhor nem arriscar!

    Beijo, meninas!
    Melhor, aproveitem que vocês estão coladinhas e beijem-se, muuuuuito!

    Amo cês duas!

  3. Ownnnnnnn so romantic……. Adoro demonstrações como esta, provam que ainda existem pessoas dispostas a dedicar suas vidinhas lindas em prol de algo tão maior… Parabéns pra vcs, por terem se conhecido, por terem nascido assim, uma para a outra 🙂

    Beijos!

Comente e aguarde a nossa aprovação

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s